6 modos de conseguir ajuda extra para perder peso

Compartilhe:
Você gostou?

Ao conseguir ajuda extra para perder peso, algumas pessoas podem precisar de ajuda profissional para recuperar o controle sobre o peso.

Estudos sugerem que os programas de emagrecimento que incluem orientação sobre mudança de comportamento são mais eficazes para ajudar as pessoas a emagrecerem. O sucesso desses programas se deve, provavelmente, ao monitoramento. Como a pessoa sabe que será pesada a cada consulta, em geral, mantém um diário, com anotações sobre tudo o que foi consumido.

1 – CENTROS DE EMAGRECIMENTO

Programas de grupo, como os Vigilantes do Peso, e centros de aconselhamento individual fornecem suporte e monitoramento. A melhor opção depende da disponibilidade individual para frequentar as sessões e partilhar experiências com um grupo. Por exemplo, para pessoas que gostam de conhecer outras e não se incomodam em falar sobre seus progresso e recaídas. Um programa em grupo é uma boa escolha.

Entre as considerações importantes para se manter num programa estão: a conveniência do local de reuniões; um conselheiro disposto a ouvir e conhecer melhor o integrante, em vez de apenas tentar vender produtos; a inclusão de um plano de manutenção por pelo menos um ano, após a conquista do peso desejado. Mesmo que não se consiga emagrecer todas as semanas há uma orientação voltada para a nutrição e o bem-estar.

2 – CONSULTANDO UM NUTRICIONISTA

Consultar um nutricionista registrado é uma boa opção. Se necessária for a ajuda profissional e aconselhamento sobre emagrecimento, especialmente quando há problemas de saúde envolvidos, como diabetes ou doença cardiovascular. O próprio médico pode fornecer a indicação de um nutricionista. Que ajudará a elaborar uma dieta que se ajuste às necessidades específicas. Também se pode conseguir ajuda para emagrecer por meio de programas de internação supervisionada por médicos (Spas). E acampamentos de emagrecimento para crianças (São opções caras, mas podem ser bastante eficazes.

3 – ONDE BUSCAR AJUDA?

Deve-se procurar ajuda externa. Caso o peso esteja descontrolado e falte motivação para estabelecer mudanças na alimentação e no padrão de atividade a longo prazo, o que é essencial para um verdadeiro controle do peso. Para quem dispõe de recursos, pode-se contratar os serviços de um “Personal Traine”.  Que criará um programa de exercícios sob medida, acompanhando o cliente até que ele atinja as metas desejadas.

4 – CENTROS COM SUPERVISÃO MÉDICA

Uma estadia em um Spa por um mês pode ser útil.  Principalmente para casos de problemas graves de saúde e falta de motivação. A qualidade e a quantidade dos alimentos são estritamente controladas nesses locais.  E o tempo é ocupado com uma ampla variedade de atividades, como exercícios, terapias de relaxamento e tratamentos de beleza. Além de emagrecer, a saúde vai melhorar, mais se, depois, não se mantiver o regime em casa, é provável que haja uma recaída e volte a engordar rapidamente. Um emagrecimento sério requer comprometimento duradouro com uma mudança de estilo de vida, com novos hábitos alimentares e exercícios regulares.

 5 – ACAMPAMENTOS DE EMAGRECIMENTO PARA CRIANÇAS

Costumam durar oito semanas. A criança recebe reeducação alimentar e é incentivada a manter intensa atividade física diária. O objetivo é reduzir de 0.9 a 1.8kg por semana. Os pais devem se comprometer com as orientações de alimentação e de hábitos de vida para que as crianças possam manter, em suas rotinas diárias, o esquema aprendido no acampamento.

Uma estadia em um Spa pode impulsionar a perder peso

6 – TRATAMENTO CIRÚRGICO E FARMACOLÓGICO DA OBESIDADE

Quando uma dieta convencional e programas de exercícios físicos não forem suficientes, a medicação ou ainda, em casos mais sérios, as cirurgias devem ser consideradas para o tratamento da obesidade. Estes recursos devem ser administrados, exclusivamente, por médicos.

Busque ajuda médica para perder peso

Tratamento cirúrgico

Para se qualificar para uma cirurgia no tratamento da obesidade, deve-se ter um IMC (Índice de Massa Corpórea) maior que 35, além de um histórico de falhas em tentativas de perda de peso e nenhum registro de abuso de substâncias químicas ou problemas psiquiátricos. O procedimento cirúrgico mais comum para tratamento da obesidade é chamado de banda laparoscópica. Este procedimento limita e controla o consumo de alimentos, e, em geral, resulta em um emagrecimento de 25 a 50% do peso corporal, que costuma ser mantido. Os pacientes precisam ser capazes de seguir uma dieta pós cirúrgica restrita, que inclui comer quantidades muito pequenas de alimento, na maioria proteínas, nas primeiras seis semanas, e tomar vitaminas e sais minerais diariamente. Entre os efeitos colaterais, estão má absorção dos nutrientes, desnutrição e “dumping”, problema no qual o alimento passa muito rapidamente do estômago para o intestino, causando sudorese, desmaio e palpitações.

Produtos farmacêuticos ainda não provaram sua eficácia para perder peso

Produtos não-controlados

Existem muitos produtos não-controlados para emagrecer, mas a sua segurança e eficácia não foram confirmadas por estudos clínicos.

By José Edson Mathias

Fonte: Guia de Alimentação Saudável

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *